quinta-feira, 13 de julho de 2017

Psicologia da Dor

Quebrou porta, prato, panela
Talhos na mão, corte no pé
Mas o que mais se estraçalhou foi o coração.

Peixe fora do aquário

Mesma cama
Um de um lado, outro do outro
De um lado, barulho do fungar
Do outro, som das curtidas

Dor na mão, no pé, na cabeça, coração
E que mais dói é saber que
Parece que nada aconteceu.

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog

Você vai marcar a primeira opção?